Aqui você pode pesquisar os planos existentes

 


O violino na música barroca

Publicado por 
novaescola
Objetivo(s) 

- Perceber elementos do barroco na música, incluindo aspectos rítmicos básicos, como pulso e fórmula de compasso, através de movimentos do corpo e da percepção auditiva.
- Aproveitar o caráter rítmico do Allegro barroco para entender a forte presença do violino na linguagem estética deste período da história da música.

Conteúdo(s) 

- O papel do violino na composição da linguagem estética da música barroca de concerto.
- Agrupamentos rítmicos em relação ao pulso.
- Formas corporais de perceber o compasso.

Ano(s) 
Tempo estimado 
Três aulas.
Material necessário 

Aparelho de som, gravação do primeiro movimento de As Quatro Estações de Antonio Vivaldi (1678-1741) – "Primavera", uma cópia da reportagem "A Voz das Orquestras" (Veja, edição 2224, 06 de julho de 2011) para cada aluno.

Este plano de aula está ligado à seguinte reportagem de VEJA:

Desenvolvimento 
1ª etapa 

A reportagem "A Voz das Orquestras", de Veja, se propõe a explicar ao leitor uma pergunta importante: por que o violino é o instrumento solista (que sobressai em determinados momentos do concerto) por excelência da música erudita? Aproveite a questão para informar que, para entender a resposta, é preciso conhecer como o instrumento era usado na música barroca – período em que ele ganhou força definitiva.

Para começar, peça que cada aluno faça uma primeira leitura silenciosa do texto. Em seguida, explique à turma que você vai colocar uma música da época para que eles analisem os elementos que a compõem. Coloque no som a gravação da "Primavera", o primeiro movimento de As Quatro Estações de Vivaldi, e proponha que todos ouçam atentamente a música. Peça que os alunos fechem os olhos, para que o ouvido trabalhe sem a interferência da visão. É importante realçar a importância do silêncio para que se percebam as sensações mais sutis que o trecho musical sugere.

Em seguida, peça que a turma comente se esse tipo de sonoridade remete a algo em suas vidas. Vocês já ouviram algo parecido antes? Que sensações a música evoca? É possível relacioná-la a algum fenômeno da natureza?

Conte que a intenção de Antonio Vivaldi era a de demonstrar, em forma de música, como se davam certos fenômenos na natureza. Com As Quatro Estações ele quis programar um concerto que evocasse a cada uma das estações do ano.

Este é um bom momento para explicar aos alunos que, por sua organização em movimentos (rápido-lento-rápido) e pela forte presença de um instrumento solista - o violino, As Quatro Estações ajudaram a estabelecer a estrutura moderna do concerto (uma obra musical caracterizada pela estruturação regular em três ou quatro movimentos, com um instrumento solista, acompanhado por uma orquestra). Esse tipo de composição foi precursor da chamada "Música de Programa" (ou música descritiva, que tem como objetivo evocar imagens ou sentimentos na mente do ouvinte por meio dos sons), consagrada por compositores como Joseph Haydn (1732-1809), no século 19.

Explique também que, para cada um dos concertos, Vivaldi escreveu um soneto descritivo daquela estação. A "Primavera" é o primeiro da série justamente porque, no hemisfério norte, o ano começa no inverno e a primavera é a primeira estação completa. As Quatro Estações integram um conjunto de 12 concertos intitulados Diálogo entre a Harmonia e a Invenção, Op. 8, publicados em 1725.

Depois da explicação, coloque novamente a gravação e peça para que eles tentem, batendo com as mãos nas pernas, encontrar o pulso (a unidade de tempo que compõe o compasso) da música. Será relativamente simples, pois o estilo do barroco realça características rítmicas.

Ajude-os a identificar o tempo forte do compasso, e nesse tempo, inclua uma batida de pé no chão, que resultará em um som mais grave. Tente fazê-los perceber que a pisada no chão marca o primeiro tempo de cada compasso.

2ª etapa 

Informe que o objetivo desta aula é ampliar a análise de "Primavera" e inicie com outra questão: Vocês são capazes de descobrir que instrumentos estão sendo utilizados na música? Toque a obra novamente e confira com eles a instrumentação (que neste caso é de três violinos, uma viola e um violoncelo).

Nesse momento, é interessante falar sobre a tessitura (o conjunto de notas que podem ser executadas mais apropriadamente pelo instrumento. Ex.: o violino é propício para as notas mais agudas, o cello para as mais graves e assim sucessivamente) e também sobre algumas características técnicas de cada um dos instrumentos, para sensibilizar os alunos com relação à noção de timbre.

Coloque mais uma vez a música e peça que tentem reconhecer o tema (a melodia primária da música) principal deste trecho da obra, tocada pelos violinos logo nos primeiros compassos. Solicite, também, que anotem sempre que houver uma repetição exata desse trecho ou uma variação dele. Isso vai exigir muita atenção dos alunos.

Organize a turma em grupos de quatro ou cinco e peça que comparem suas anotações. Eles devem conferir os registros e chegar a um consenso das vezes em que o tema principal aparece na "Primavera".

Ouça mais uma vez a música, pedindo para que eles se levantem e marquem o pulso batendo, de leve, as mãos. Todas as vezes que o tema principal aparecer, todos devem bater palmas mais fortes no ritmo - isso, tanto na forma exata como nas variações desse tema.

O interessante é que ficarão claros os momentos negativos ao tema principal, ou seja, as horas que há desenvolvimento de outras ideias formais, tais como solis e pontes da orquestração.

Por fim, relembre a música com os alunos e estimule-os a perceber quando algum instrumento para de tocar por um longo período. Em seguida, analise com a turma o que acontece com os sons graves e agudos ao longo dessas variações. Eles devem perceber que as notas mais graves (das violas e do cello) cedem espaço para os solos do violino, que é explorado com virtuosismo. Explique que foi nesse período da história da música que o violino ganhou força definitiva para a música clássica.

Avaliação 

Observe a participação dos alunos ao longo das atividades propostas, verificando se conseguem perceber os agrupamentos rítmicos e a forma como o concerto se estrutura, destacando a participação do violino. Em seguida, peça que escrevam uma breve dissertação sobre o papel do violino na música barroca, ressaltando sua importância nas partes principais da música (tema principal, solos e variações).

Créditos:
André Hosoi
Formação:
Professor da Escola Vera Cruz e coordenador do Núcleo Barbatuques.
Autor Nova Escola

COMPARTILHAR

Alguma dúvida? Clique aqui.