Ainda não há contribuições em grupos.

Você ainda não tem amigos adicionados

Nenhum evento aberto no momento

Colégio Pio XII celebra a diversidade na “Semana do Brincar”

Com o tema “O brincar que abraça a diferença”, crianças da Educação Infantil e dos 1ºs anos do Ensino Fundamental I vivenciarão uma semana inteira de brincadeiras por meio das culturas e costumes dos povos e convívio com as diferenças

O Colégio Franciscano Pio XII, instituição de educação localizada no bairro do Morumbi, em São Paulo, promove, de 27 a 31 de maio, a Semana do Brincar com programação especial voltada para a Educação Infantil e para os 1ºs anos do Ensino Fundamental I. A ação é parte da mobilização social de voluntários, do Poder Público, de outros atores relacionados à infância em todo o país, e é idealizada pela Aliança pela Infância com o objetivo de difundir a importância da prática do brincar na sociedade. A Semana Mundial do Brincar está integrada ao Dia Internacional do Brincar, celebrado no dia 28, e acontecerá de 25 de maio e 2 de junho com o tema “O brincar que abraça a diferença”. 

“O objetivo desta semana é ressaltar a importância do brincar na sociedade, respeitar o tempo da criança brincando, a qualidade do tempo de relação das crianças entre si e com os adultos, atenção à mediação necessária, necessidade de um desenvolvimento sadio, promoção da autonomia, o brincar como uma fonte de aprendizado e expressão da cultura de diferentes gerações, criação de vínculos sociais, além de lidar com as regras e espaços de lazer em uma sociedade”, explica Paula Neves Fava Bon, orientadora educacional da Educação Infantil do Colégio Franciscano Pio XII.

Durante esta semana, o Colégio vai trabalhar com os alunos a diversidade, as riquezas  culturais e as variedades de costumes dos povos, possibilitando múltiplas reflexões sobre a brincadeira como território de convívio entre as diferenças. “Vamos enfatizar a cultura da paz e envolver as crianças em discussões sobre tolerância e cultura de paz para que elas saibam mediar, perdoar, conversar e dialogar”, diz a orientadora Paula. Ela ressalta que, apesar de a brincadeira ser cultura da infância de forma universal, é preciso saber que existem diferentes formas de brincar de acordo com as vivências em países, estados brasileiros e grupos sociais distintos. “É por isso que se fala em “infâncias” no plural”, completa.

curtir
0
segunda-feira, 27 Maio, 2019 até sexta-feira, 31 Maio, 2019, 07:00 - 12:00
Rua Colégio Pio XII, 233
Morumbi
São Paulo - SP
Brasil
Login ou registre-se para postar comentários